Blog

Blog

(11) 5097 9497

Conheça 5 vantagens de transformar sua paixão em profissão

Publicado em 27.11.2017
Conheça 5 vantagens de transformar sua paixão em profissão
Dicas Instituto da Cerveja

Neste post, você vai conhecer as vantagens de perseguir seus sonhos e se dedicar a uma carreira com a qual tenha sincera afinidade. Sempre vale a pena trabalhar com algo com o qual nos identificamos! Preparado? Vamos lá!

O fato de passarmos a maior parte de nossos dias no trabalho não é nenhuma novidade. São pelo menos 8h — debitadas das 24h de que dispomos — que devem ser dedicadas à produtividade e aos resultados empresariais. É justamente por isso que trabalhar com o que se gosta faz toda a diferença.

 

Neste post, você vai conhecer as vantagens de perseguir seus sonhos e se dedicar a uma carreira com a qual tenha sincera afinidade. Sempre vale a pena trabalhar com algo com o qual nos identificamos! Preparado? Vamos lá!

 

1. Conhecimento de causa

 

Quando você gosta de algo, tem propriedade para falar sobre o assunto. Trabalhando em uma função que verdadeiramente aprecia, a situação é a mesma: você tem mais segurança e fica mais confortável para questionar e inovar.

 

O resultado de uma afinidade verdadeira, somada a um estímulo consistente para melhorar aquilo que te faz bem, é um trabalho bem-feito e significativo.

 

Sua missão empresarial se confunde com seu desejo pessoal: melhorar a própria experiência de consumo e também daqueles que gostam da mesma coisa. Muito mais gratificante!

 

2. Mais produtividade e eficiência

 

Quando você se dedica a uma atividade com a qual se identifica, o tempo parece voar. Nessa situação, não parece haver limites para buscar alternativas de aprimorar a performance ou efetuar algum ajuste que possa melhorar a experiência.

 

Ao trabalhar com o que se gosta, o padrão se replica: você se torna muito mais produtivo e eficiente em suas tarefas cotidianas, extraindo o máximo potencial do tempo que emprega na atividade profissional (que, afinal, também é o que você ama!).

 

3. Equilíbrio entre vida pessoal e profissional

 

Uma das queixas mais recorrentes do mercado de trabalho diz respeito ao doloroso desequilíbrio entre vida pessoal e profissional. Essa sensação incômoda tem uma raiz bastante evidente: quando o seu trabalho não te satisfaz, você sente que está perdendo a oportunidade de fazer algo que realmente vale a pena.

 

A solução para o desconforto está na opção por um trabalho com paixão: ao realmente apreciar suas atividades rotineiras, você deixará de sentir como se estivesse perdendo tempo. Nesse contexto, o equilíbrio é alcançado de forma orgânica e sutil.

 

4. Menos estresse

 

O estresse no emprego está geralmente relacionado à falta de identificação com a operação cotidiana. Nestas condições, manter o foco e a resiliência parece impossível — e acabam culminando em uma pressão excessiva que caracteriza o estresse.

 

Ao optar por trabalhar com o que te faz feliz, você substituirá o aborrecimento pelo empenho. No lugar de se sentir oprimido e até incapaz, você terá cada vez mais vontade de dar o melhor de si.

 

5. Mais motivação e inspiração

 

Quantas vezes você já experimentou, na rotina de trabalho, um incômodo sentimento de desajuste e limitação? Houve ocasiões em que você não conseguiu concluir uma tarefa por mais que tentasse? Provavelmente sim!

 

A vantagem de trabalhar com o que se ama de verdade tem reflexo direto na motivação com que nos entregamos aos afazeres cotidianos. E mais: a paixão pela atividade rende inspiração constante, eliminando o mal-estar que ocorre quando se sente inadequado para a função que exerce.

 

Agora que você já notou a importância de trabalhar com o que se gosta, está esperando o que para dar o pontapé inicial na escolha que vai transformar a sua vida? Se a sua paixão é a cerveja e você tem sede de desvendar os mistérios da bebida, saiba mais sobre o curso de tecnologia cervejeira!

 

Fonte: Instituto da Cerveja